Os fins justificam os meios?


Vivemos numa sociedade em que cada vez mais a filosofia do “tô nem aí” é adotada. Obviamente, como tudo nessa vida, a afirmação “os fins justificam os meios” pode ser aplicada tanto para o bem quanto para o mal.
Podemos dizer que ela está bem empregada quando se tem ambições completamente aceitáveis, dentre os padrões da éti
ca e da legalidade. Um exemplo disso é que, se alguém quer muito um emprego ou almneja entrar numa boa universidade é necessário que ela estude, se esforce muitíssimo. Dessa forma, o fim (ter alcansado o tão sonhado emprego, ou ter entrado na tal universidade) vai justificar os meios (nesse caso, as horas de dedicação total aos livros).
Porém, existe também o, digamos, “lado negro da força”(me inspirei em Power Rangers, bjs): pessoas inescrupulosas gananciosas que simplismente não vêem, ou não querem enxergar o que se passa diante dos próprios olhos. Diariamente, pessoas são pisadas, maltratadas (fisica e emocionalmente) por outras que se acham no direito de levantar a cabecinha e seguir em frente, sem se importar com os “pequenos”..
Em uma era em que Deputados dizem estar “se lixando” pra
opinião do povo, cabe a nós apenas crer que ainda existem cidadãos honestos, com escrúpulos e que sabem respeitar cada um com sua individualidade, cada um crescendo ao seu modo. Se bem que, a cada momento que se passa, se torna mais difícil acreditar que o sistema ainda vai mudar.
No mais, encerro meu post c
om uma perguntinha, não é necessário que ela seja respondida, apenas quero que cada um reflita sobre ela.

Qual é a diferença, entre os olhos que não vêem e os que não querem enxergar?

Para o Blorkutando


Anúncios

0 Responses to “Os fins justificam os meios?”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Pseudo-escritora

@beeislost, 16 anos, touro com ascendente em libra, teimosia, ansiedade, ironia, caretisse, sarcásmo, imperatividade, hiperatividade, contradição, indiferença, fashionismo, inconstância, antipatia e uma certa aversão ao cotidiano; um pierrot retrocesso, meio bossa nova e rock'n'roll.

#30 days

Dia 01: Música favorita;
Dia 02: Livro favorito;
Dia 03: Programa de TV favorito;
Dia 04: Filme favorito;
Dia 05: “Quote” (citação) favorita;
Dia 06: Qualquer coisa à sua escolha;
Dia 07: Uma foto que te faça feliz;
Dia 08: Uma foto que te deixe triste, ou irritado;
Dia 09: Uma foto que você tenha tirado;
Dia 10: Uma foto tirada há anos atrás;
Dia 11: Uma foto tirada recentemente;
Dia 12: Qualquer coisa à sua escolha;
Dia 13: Um livro de ficção;
Dia 14: Um livro de não-ficção;
Dia 15: Uma fanfic;
Dia 16: Uma música que te faça chorar;
Dia 17: Uma obra de arte (pintura, desenho, escultura);
Dia 18: Qualquer coisa à sua escolha;
Dia 19: Um talento seu;
Dia 20: Uma hobby seu;
Dia 21: Uma receita;
Dia 22: Um site;
Dia 23: Um vídeo do Youtube;
Dia 24: Qualquer coisa à sua escolha;
Dia 25: Seu dia, em detalhes;
Dia 26: Sua semana, em detalhes;
Dia 27: Este mês, em detalhes;
Dia 28: Este ano, em detalhes;
Dia 29: Esperanças, sonhos e planos para os próximos 365 dias;
Dia 30: Qualquer coisa à sua escolha;

Tuinti, GEMT!

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.